PPGENF - Dissertações

Navegar

Submissões Recentes

Agora exibindo 1 - 20 de 95
  • Item
    Utilização do plasma rico em plaquetas (PRP) para cicatrização de lesões: desenvolvimento de procedimento operacional padrão
    (2023) Macedo, Eluiza; Viegas, Karin; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: Lesões de pele são consideradas um problema de saúde pública, visto que acometem 1% da população. Um tecido que sofreu uma ruptura, possui uma abertura para acesso de patógenos que podem agravar o quadro clínico do paciente, prolongando o período de internação apresentando impactos no quadro de saúde físico e psíquico. O curativo ideal deve ser de fácil remoção, ser barreira protetora e possibilitar a cicatrização. O plasma rico em plaquetas (PRP) é produto autólogo, que promove a proliferação, migração, diferenciação celular e a angiogênese. A pesquisa resultou na criação de um protocolo operacional padrão (POP) para utilização do PRP no ambiente hospitalar, o qual foi submetido a um teste piloto para verificar a sua aplicabilidade na instituição. Os enfermeiros do grupo de pele, através de um formulário online, realizaram a validação do produto. Foi criado um fluxograma com subdivisão dos três eixos necessários para implementação da nova tecnologia. Objetivo: Implantar e validar o uso de terapia complementar não farmacológica na administração de PRP em pacientes com lesão de pele. Materiais e Métodos: foi utilizada a ferramenta PDSA (Planejar (Plan), Fazer (Do), Estudar (Study) e Agir (Act) para executar a pesquisa. Participaram do estudo três pacientes e cinco enfermeiros. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa (CAEE 61065922.0.0000.5335). Resultados da produção intelectual e técnica: A pesquisa resultou na elaboração de dois artigos, sendo um já submetido a um periódico nacional. Foi realizada a submissão de resumos em eventos nacionais para divulgação da temática. Conclusão: O protocolo apresentou um índice de validade de conteúdo de 0,86%, comprovando sua eficácia. Os benefícios da tecnologia na instituição foram avaliados através da análise da escala de cicatrização. A temática ainda é desconhecida pelos profissionais de saúde. Sua implementação permite ao enfermeiro aprimorar a assistência acerca do manejo de lesões
  • Item
    Protocolo Assistencial de Enfermagem para Pacientes Adultos Submetidos a Drenagem Torácica Internados em Terapia Intensiva
    (2023-12-19) Silva, Elisiane Goveia da; Caregnato, Rita Catalina Aquino; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: A enfermagem atua em todas as etapas na assistência ao paciente com drenagem torácica, por isso, a existência de protocolo de cuidados fundamentado em evidências científicas permite auxiliar na tomada de decisão e padroniza a assistência prestada pela equipe. Objetivo: Mapear as evidências científicas sobre os cuidados de enfermagem direcionados aos pacientes adultos submetidos à drenagem torácica, internados em Unidade de Terapia Intensiva, para fundamentar a construção de um protocolo assistencial. Materiais e Método: Trata-se de um estudo metodológico conduzido em duas etapas, a saber: a) revisão de escopo segundo a sistematização da JBI; e b) elaboração do protocolo assistencial de acordo com as orientações de Pimenta et al. A questão de pesquisa foi conduzida pelo acrônimo PCC (População, Conceito e Contexto): quais são os cuidados de enfermagem indicados aos pacientes adultos com drenagem torácica internados em terapia intensiva? Incluíram-se as publicações em português, inglês e espanhol, sem recorte temporal. Resultados da produção intelectual e técnica: 973 estudos foram importados de seis bases de dados, sendo 21 incluídos para extração dos dados. Foram extraídas na revisão de escopo um total de 60 recomendações, sendo 13 recomendações aplicáveis préinserção do dreno de tórax, nove recomendações durante a inserção do dreno e 38 recomendações de cuidados na manutenção da DT. Ao realizar as etapas de avaliação do nível de evidências, 56 recomendações foram selecionadas para inclusão no protocolo. Conclusão: O mapeamento dos cuidados possibilitou a construção do protocolo assistencial de enfermagem intitulado Protocolo Assistencial de Enfermagem para Pacientes Adultos Submetidos à Drenagem Torácica que tem como objetivos: a) Sintetizar informações e condutas, através da padronização das recomendações e da generalização das práticas fundamentadas cientificamente e b) subsidiar a assistência de enfermagem prestada aos pacientes adultos submetidos à drenagem torácica através da qualificação do cuidado prestado a partir da prática baseada em evidências. Identificou-se escassez de estudos com alto nível de evidência. A pesquisa terá continuidade sendo a próxima etapa a validação do protocolo por expertises e, após, a implementação. Produto técnico: 3 - Manual/Protocolo.
  • Item
    Protótipo de um aplicativo móvel para orientação de pacientes pós transplante de células tronco hematopoiéticas (TCTH)
    (2023) Sanches, Keron dos Santos; Rabin, Eliane Goldberg; Herbert, Juliana Silva; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: TCTH é uma modalidade para tratamento de pacientes onco hematológicos, sendo uma das mais invasivas e agressivas. Segundo a Associação Brasileira de Transplantes de Orgãos (ABTO), em 2019 realizou-se um total de 3.805 transplantes de medula no Brasil. A ABTO contabilizou 26.879 transplantes entre 2009 e 2019, com a taxa de sobrevida dos pacientes pós TCTH, no primeiro ano de 86% para autólogos, 62% para alogênicos e 57% para não aparentados. É um tratamento relacionado a altas taxas de toxicidade tardia e inúmeras complicações. Objetivo: desenvolver o protótipo de um aplicativo móvel como tecnologia para orientação de pacientes pós TCTH. Materiais e Métodos: estudo metodológico aplicado na modalidade de produção de tecnologia para construir e desenvolver protótipos de softwares e outros produtos tecnológicos. O protótipo foi desenvolvido em parceria com o Curso de Informática Biomédica da UFCSPA. A primeira etapa do trabalho foi a revisão integrativa da literatura para análise das produções científicas sobre uso de aplicativos móveis na área de Transplante de Medula Óssea. Na segunda identificou-se os conteúdos a serem disponibilizados no protótipo a partir da busca pelas referências cientificas mais atualizadas em relação a orientações pós TCTH. Sendo a última o desenvolvimento do protótipo junto à equipe de desenvolvedores formada por alunos do curso Bacharelado em Informática Biomédica da UFCSPA. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, número do parecer 5.633.198. Resultados da produção intelectual e técnica: a produção intelectual resultou em dois artigos científicos, um publicado em 2022, e outro em processo de submissão. Encontrou-se 46 publicações, 11 foram incluídas na revisão. Dos artigos 5 (45,45%) foram publicados em 2020, 9 (81,81%) desenvolvidos nos Estados Unidos, 10 (90,90%) possuem grau de recomendação B e 5 (45,45%) apresentam nível de evidência 2c. A produção técnica resultou no protótipo do aplicativo móvel nomeado como Help TMO. Conclusão: compreende-se as limitações do estudo na fase em que se encontra, assim como reconhece-se que a literatura científica publicada ainda é recente e necessita de maior aprofundamento e rigor metodológico. Fatos que justificam a importância deste produto, motivando a conclusão das próximas etapas propostas no projeto, aumentando a aplicabilidade do produto. Produto técnico: 6 - Software/Aplicativo (Programa de computador
  • Item
    Guia de apoio técnico para desenvolvimento de atividades baseadas em princípios da economia solidária em centros de atenção psicossocial
    (2023-12-15) Silva, Vanisa Cavallini da; Viana, Ana Cristina Wesner; Paz, Adriana Aparecida; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: A Reforma Psiquiátrica no Brasil foi responsável por fomentar as experiências de economia solidária no campo da saúde mental. A geração de trabalho e renda oportuniza a inclusão social e a superação de limitações decorrentes do processo de adoecimento. Objetivo: Elaborar e disponibilizar um guia de apoio técnico para o desenvolvimento de atividades de geração de trabalho e renda em Centros de Atenção Psicossocial. Materiais e Métodos: Trata-se de um estudo metodológico sustentado pela Pesquisa Convergente Assistencial, com abordagem qualitativa em quatro fases distintas. Realizou-se uma revisão integrativa da literatura durante a fase de concepção. Na fase de instrumentação, foram definidos o cenário, os participantes e as técnicas de coleta e análise de dados. Na terceira fase de perscrutação, foram coletados dados pelo mapa de empatia com a participação de sete trabalhadores. A última fase envolveu a análise e interpretação dos dados, culminando na criação de um guia como produto deste estudo. O estudo possui aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, com os pareceres nº 5.209.485 e nº 5.302.477. Resultados da produção intelectual e técnica: Este estudo resultou em um produto técnico “Guia de Apoio Técnico para Desenvolvimento de Atividades Baseadas em Princípios da Economia Solidária em Centros de Atenção Psicossocial” e dois produtos intelectuais, sendo um deles publicado e outro em processo de submissão. A produção técnica é destinada aos profissionais dos Centros de Atenção Psicossocial para auxiliar na organização e no desenvolvimento de atividades de geração de trabalho e renda para os indivíduos com transtornos mentais e seus familiares, atividades essas, que fortalecem os laços familiares e comunitários, contribuindo de maneira terapêutica para reabilitação psicossocial dos usuários. Conclusão: O guia está disponível de forma pública e gratuita, servindo como um recurso de apoio para os trabalhadores de saúde nos Centros de Atenção Psicossocial. Ele é uma ferramenta que auxilia na construção de estratégias do cuidado e de novas práticas voltadas para a produção de conhecimento, de fortalecimento dos vínculos sociais e a reflexão sobre a melhor forma de organizar essas atividades. Produto técnico: 3 - Manual ou protocolos.
  • Item
    Mapa de risco para a gestão da segurança do paciente com comportamento suicida: uma construção da prática
    (2023-08-29) Wansing, Gilciane Bolzan; Lacchini, Annie Jeanninne Bisso; Blatt, Carine Raquel; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: O comportamento suicida representa um importante problema de saúde mundial e neste contexto é essencial que os serviços e os profissionais de saúde estejam preparados para oferecer atendimento seguro, acolhedor e preventivo. Estudos afirmam que instrumentos gerenciais, como o Failure Mode and Effect Analysis (Análise de Modo e Efeito de Falha), contribuem para um cuidado em saúde padronizado e seguro. Objetivo: Elaborar um mapa de gestão de risco para as etapas de atendimento ao usuário com comportamento suicida no setor de urgência e emergência de um hospital geral no interior do Rio Grande do Sul. Materiais e Método: Pesquisa-ação, de abordagem qualitativa, contemplando as 12 fases divididas em 3 etapas: aplicação de um formulário eletrônico; seminários para o desenvolvimento do mapa de risco; e validação por consenso de especialistas e divulgação. Participaram 14 profissionais da equipe multiprofissional. A coleta de dados aconteceu no período de Setembro de 2022 à Fevereiro de 2023. Foi utilizado o Checklist COREQ. Resultado da produção intelectual e técnica: Como produção intelectual construiu-se um artigo científico intitulado como Ferramentas de gestão de risco na segurança do paciente suicida em emergências hospitalares, publicado na Research Society and Development (2023). Uma segunda produção intelectual que será publicada em revista científica e como produto técnico a elaboração do mapa de gestão de risco para segurança do paciente com comportamento suicida, além de materiais educativos e lúdicos oriundos de uma disciplina da docência. Conclusão: A construção do mapa de gestão de risco na segurança do paciente com comportamento suicida traz impactos para o aprimoramento do conhecimento e das práticas dos profissionais, bem como aos pacientes/familiares para que possam participar do seu cuidado, de forma segura, durante a assistência hospitalar. Produto Técnico: 03 - Manual/Protocolo.
  • Item
    Modelagem da árvore pediatria com diagnósticos e intervenções de enfermagem na assistência à criança com cardiopatia congênita
    (2023-10-03) Vidal, Elisângela de Fraga; Paz, Adriana Aparecida; Carvalho, Gisele Pereira de; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: O alinhamento entre diagnósticos e intervenções de enfermagem aos registros eletrônicos é crucial para o cuidado seguro às crianças com cardiopatias congênitas (CC). Objetivo: Elaborar uma modelagem da “Árvore Pediatria” contendo diagnósticos do sistema cardiovascular e respectivas intervenções de enfermagem para a assistência às crianças com cardiopatia congênita. Materiais e Métodos:Estudo metodológico abrangendo três etapas distintas: na primeira, analisou-se uma série histórica das internações de crianças menores de um ano por CC; a segunda envolveu uma pesquisa exploratória, descritiva e qualitativa com profissionais de enfermagem de uma unidade de terapia intensiva pediátrica; e na terceira etapa, a metodologia Joint Application Design (JAD) foi empregada em um grupo de trabalho para desenvolvimento da modelagem do produto “Árvore Pediatria” do sistema cardiovascular. O estudo recebeu aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, com os pareceres nº 5.203.661 e nº 5.101.170. Resultados da produção intelectual e técnica: Este estudo resultou em um produto técnico “Árvore Pediatria” e três produtos intelectuais, sendo um deles publicado e outros dois em processo de submissão. A produção técnica envolveu cinco sessões de JAD realizadas pelo grupo de trabalho composto por sete enfermeiros. Eles avaliaram o sistema cardiovascular da “Árvore da SAE/Processo de Enfermagem” do Philips Tasy® por meio de uma escala de Likert de cinco pontos. Como resultado, foi obtida uma modelagem que preservou os 10 itens (sinais e sintomas) e 19 resultados (alterações) previamente existentes; além disso, houve uma redução de 27 para 20 diagnósticos de enfermagem distintos e de 125 para 56 intervenções de enfermagem distintas. Conclusão: Os resultados apresentaram a modelagem “Árvore Pediatria” que preservou itens essenciais, alinhou diagnósticos e intervenções de enfermagem, evidenciando a busca pela qualidade na assistência e segura. Essa evolução tem o potencial otimizar uma assistência mais personalizada baseada nas reais necessidades de cuidado das crianças com CC. Produto Técnico: 4 - Processo/tecnologia e produto/material não patenteável.
  • Item
    Proposta de implantação de sistema de linguagem padronizada em registro informatizado de enfermagem de um Serviço de Atenção Primária no âmbito da Saúde Suplementar
    (2023) Azevedo, Sabine de; Souza, Emiliane Nogueira de; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: As operadoras de saúde têm disponibilizado a Atenção Primária à Saúde (APS) ao público da saúde suplementar, a fim de estabelecer o vínculo entre equipe e usuário, com foco na medicina de família. A atuação do enfermeiro vem se destacando como protagonista na estruturação desses serviços. Da mesma forma, são os registros desses profissionais, que acolhem e estabelecem vínculos com os usuários, baseados nas melhores práticas em APS e na segurança do usuário Objetivo: Estruturar a implantação de um sistema de linguagem padronizada em registro informatizado da evolução de enfermagem em um serviço de atenção primária da saúde suplementar. Materiais e métodos: Trata-se de um projeto de melhoria de qualidade em saúde, utilizando o Modelo de Design Instrucional – ADDIE, seguindo as etapas de análise, desenho, desenvolvimento, implementação e avaliação. Resultados da produção Intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em dois artigos, um deles já publicado e o outro a ser submetido. Em relação à produção técnica, estruturou-se uma planilha de dados com DE e intervenções de enfermagem para a área da saúde do adulto e idoso de acordo com o SLP CIPE®, foram criados dois vídeos de capacitação que abordam aspectos do Processo de Enfermagem, a qualificação dos registros de enfermagem e a utilização de SLP na evolução dos enfermeiros, e também o desenvolvimento de um tutorial de uso da planilha, que orienta a estratégia de busca por diagnósticos de enfermagem e intervenções de enfermagem do banco de dados elaborado em planilha Excel. Conclusão: Qualificação dos registros de enfermagem em prontuário eletrônico do paciente, evidenciando a atuação do enfermeiro enquanto coordenador do cuidado, gerando dados comparáveis e padronizados nos registros de enfermeiros com a utilização de SLP. Estrutura que servirá de modelo para outros serviços de APS na saúde suplementar. Produto técnico: 4 - Processo não patenteável.
  • Item
    Desenvolvimento de material didático para enfermeiros que atuam em serviços de fertilidade e reprodução assistida
    (2023-10-03) Nunes, Ediane de Souza; Silva, Filipe Santana da; Paz, Adriana Aparecida; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: A infertilidade é a incapacidade de um casal de conceber uma gestação após 12 meses de atividade sexual regular. A reprodução assistida engloba um conjunto de meios empregados com o objetivo de facilitar a gestação. O enfermeiro possui um papel fundamental no preparo de casais ou indivíduos para a Reprodução Assistida visando a prática científica devido à natureza tecnológica. Objetivo: Desenvolver um guia educativo para enfermeiros que atuam em serviços de fertilidade e reprodução assistida. Materiais e Métodos: Estudo metodológico constituído por três fases do modelo ADDIE, compreendendo as fases de concepção do material didático: a) análise, foi realizada uma revisão integrativa da literatura; b) desenho, foram definidos os objetivos de aprendizagem, a partir dos resultados da fase anterior; c) desenvolvimento, consistiu na redação, elaboração e ilustração do material educativo; e da análise de conteúdo por um Comitê de Especialistas que avaliou a proporção de adequação de conteúdo com intervalo de confiança de 95%. Este estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA; Parecer 5.754.038/2021). Resultados da produção intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em dois artigos científicos. A produção técnica resultou em um produto na modalidade de material didático intitulado “Reprodução Assistida e Infertilidade: Um Guia Prático para Enfermeiros”. Este produto como e-book pode ser consumido e utilizado conforme Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. A avaliação do conteúdo do material didático foi realizada por um Comitê de Especialistas (n=11) que alcançou resultado satisfatório em uma única rodada, atingindo o Índice de Validade de Conteúdo de 0,86 (intervalo de confiança de 95%). Conclusão: O material educativo foi avaliado por especialistas e apresenta qualidade técnico-científico e especializada para a disponibilização aos enfermeiros. O impacto potencial do material didático é a produção e disseminação do conhecimento para contribuir no aprimoramento das competências do enfermeiro em RA. Produto técnico: 2 - Material didático.
  • Item
    Implementação da avaliação de enfermagem no cuidado as pessoas com Estoma cadastradas na Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul
    (2023-02-06) Pozebom, Nildete Vargas; Viegas, Karin; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: a prevenção das complicações e o fornecimento de orientações adequadas no pré e pós-operatório impactam positivamente na reabilitação do estomizado. Os cuidados de enfermagem sistematizados possibilitam desenvolver o planejamento das ações de enfermagem e implementar cuidados específicos, além de possuírem papel decisivo na adaptação fisiológica, emocional e social da pessoa ostomizada e de seus familiares. Objetivo: elaborar e avaliar um roteiro de enfermagem no cuidado as pessoas com estoma cadastrado na Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul. Materiais e Método: pesquisa de implementação, desenvolvida em colaboração com o Departamento de Gestão da Atenção Especializada – Divisão da Atenção Especializada – da Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (DGAE-DAE/Serviço de Estomias – SES). Para o processo de criação e validação, foi seguida a metodologia PDSA (Planejar – Plan, Fazer – Do, Estudar – Study e Agir – Act). Resultados da produção intelectual e técnica: desenvolvimento do Roteiro de Avaliação de Enfermagem para a Pessoa com Estomias (RAEPE), validação do roteiro por meio de avaliação de 14 juízes especialistas em Estomaterapia e atuantes no cuidado as pessoas com estomias. Desenvolvimento do Guia de Dúvidas Comuns para o Preenchimento do RAEPE. Conclusão: Os profissionais enfermeiros não especialistas poderão entender quais os pontos principais a serem avaliados nas pessoas com estomias e terão nas mãos um guia de apoio para a tomada de decisão na escolha do equipamento coletor. Os documentos subsidiam a primeira etapa do Planejamento e Enfermagem e dá início a Sistematização de Enfermagem para as pessoas com estomias no RS. Assim a assistência de enfermagem mais assertiva na adaptação da pessoa à sua condição de estomizado será promovida. Produto técnico: 2- Material didático e produto técnico: 3- Manual.
  • Item
    Implementação de um checklist para transporte intra-hospitalar de paciente crítico adulto
    (2023-08-15) Martins, Juliana Bessa; Blatt, Carine Raquel; Viegas, Karin; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: o transporte intra-hospitalar é determinado pelo deslocamento do paciente, realizado por uma equipe da área da saúde, dentro das instalações hospitalares. Este transporte tem por objetivo manter a continuidade dos cuidados prestados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), porém é um procedimento que apresenta risco ao paciente no que se refere à ocorrência de incidentes e eventos adversos. Objetivo: implementar um checklist para transporte intra-hospitalar de paciente crítico adulto. Materiais e método: estudo com delineamento metodológico que contempla três etapas: teórico, empírico e analítico. No procedimento teórico foi realizado uma revisão integrativa com vistas a identificação das evidências científicas sobre os cuidados para a prevenção de eventos adversos no transporte intra- hospitalar de paciente crítico adulto. No procedimento empírico foi realizada a validação do conteúdo do checklist por um painel de especialistas, formado por profissionais de saúde que atuam na instituição, através de Técnica Delphi, até obter o grau de concordância >80% entre os juízes. No procedimento analítico foi verificada a consistência interna do instrumento a partir da aplicação do checklist na UTI e análise pelo Alpha de Cronbach. Foram elaborados indicadores de Estrutura, Processo e Resultado para o monitoramento do transporte intra-hospitalar. Resultados da produção intelectual e técnica: na revisão integrativa, dos 640 estudos identificados, nove artigos foram incluídos, o qual contemplou a fundamentação teórica para elaboração do checklist, permitindo a produção e publicação de um artigo científico. A validação foi realizada em quatro rodadas e resultou em um checklist com os seguintes domínios: identificação do paciente, dispositivos invasivos, nível de consciência, hemodinâmica, equipamentos, monitorização pré-transporte, monitorização pós-transporte, intercorrências, medicamentos e contraste. A consistência interna do checklist foi de 0,845. Foram elaborados seis indicadores, sendo um de estrutura (equipe de transporte); quatro de processo (tempo de transporte; comunicação prévia ao transporte; instabilidade hemodinâmica; tempo de aplicação do checklist) e um de resultados (ocorrência de intercorrências). Conclusão: o instrumento elaborado foi validado por especialistas e mostrou-se com boa consistência interna. Espera-se que com a aplicação do produto desenvolvido nesta dissertação, possibilite a segurança do paciente e transformação na prática assistencial, promovendo a melhoria da qualidade assistencial e a prevenção de eventos adversos a pacientes críticos submetidos ao transporte intra-hospitalar. Produto técnico: 4 - Processo/ Tecnologia e produto.
  • Item
    NEWS2 versão brasileira: desenvolvimento de uma tecnologia educacional para enfermeiros fundamentado por um estudo de coorte
    (2023) Sousa, Alldren Silva de; Caregnato, Rita Catalina Aquino; Santarém, Michelle Dornelles; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    RESUMO Introdução: National Early Warning Score 2 (NEWS2) é um escore que permite avaliar a deterioração clínica do paciente. Recentemente traduzido (NEWS2-B), é pouco usado nos Serviços de Emergências (SE) brasileiros. Objetivo: Desenvolver uma tecnologia educacional, para capacitação de enfermeiros, fundamentada por uma pesquisa original sobre o uso do National Early Warning Score 2 versão brasileira (NEWS2-B) para pacientes com suspeita ou diagnóstico de sepse em comparação ao quick Sequential Organ Failure Assessment (qSOFA) e ao Modified Early Warning Score (MEWS). Materiais e Métodos: Estudo metodológico contemplando três etapas: Revisão integrativa (RI), coorte prospectivo e construção da tecnologia educacional. Estratégia de busca na RI: (“early warning score” OR “NEWS2” OR “national early warning score 2”) AND sepsis AND “clinical deterioration”. Bases de dados: PubMed, Scopus, Web of Science e Biblioteca Virtual em Saúde. Coorte realizado no SE adulto de um hospital de Porto Alegre. Amostra 295 pacientes com suspeita ou diagnóstico de sepse. Coleta de dados ocorreu na classificação de risco e transferência do paciente do SE com instrumentos: qSOFA, MEWS e NEWS2-B. Desfechos avaliados: deterioração clínica, mortalidade intra-hospitalar e internação em unidade de terapia intensiva. Plataforma Powtoon usada na construção do produto, contemplando pré-produção, produção e pós-produção. Resultados da produção intelectual e técnica: A pesquisa realizada gerou um produto técnico uma tecnologia educacional, um vídeo e dois produtos científicos: RI e um artigo original. A RI analisou doze artigos, NEWS o escore mais prevalente para pacientes com sepse e suspeita de sepse no SE, maior precisão para mortalidade intra-hospitalar e internação em UTI. Coorte evidenciou que NEWS2-B e MEWS apresentaram acurácia diagnóstica no segundo momento para mortalidade intra-hospitalar e internação em UTI. NEWS2-B e MEWS, preditores para mortalidade, ambos na transferência definitiva, já o NEWS2-B associado à internação em UTI no segundo momento. Tutorial desenvolvido sobre aplicação do NEWS2-B validado obtendo Índice de Validação de Conteúdo maior ou igual a 80%. Conclusão: A pesquisa de campo constatou que NEWS2-B teve melhor performance diagnóstica para identificar a deterioração clínica em pacientes com suspeita ou diagnóstico de sepse, comparado ao MEWS e qSOFA versões brasileiras, e mais precisão para mortalidade intra-hospitalar e internação em UTI, nos dois momentos. O tutorial permite capacitar enfermeiros para a aplicação do NEWS2 versão brasileira. Produto técnico: 2 - Material didático.
  • Item
    Proposta para implantação da consulta de enfermagem aos pacientes ambulatoriais no pré-operatório
    (2023) Camargo, Carmem Dalpiaz; Caregnato, Rita Catalina Aquino; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    A consulta de enfermagem pré-operatória é a primeira fase da Sistematização da Assistência de Enfermagem Perioperatória (SAEP), contribuindo para a qualidade da assistência, auxiliando o paciente e seus familiares a compreender e preparar-se para o tratamento anestésico-cirúrgico. Objetivo: Produzir um relatório técnico com uma proposta para implantação da consulta de enfermagem pré-operatória para pacientes ambulatoriais que serão submetidos a cirurgias eletivas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em um hospital de Porto Alegre. Materiais e métodos: Trata-se de um projeto de melhoria, realizado em duas etapas: elaboração de fluxograma da consulta de enfermagem pré-operatória através de discussão com o grupo focal e individual com enfermeiros e anestesiologistas e a realização de um teste piloto para verificar a possibilidade de implantação do processo proposto. O estudo foi conduzido pela ferramenta de gestão denominada Ciclo PDSA. O campo de ação foi o Centro Cirúrgico e o ambulatório de um dos hospitais da cidade de Porto Alegre. Amostra intencional não probabilística na primeira etapa constituída por enfermeiros e anestesiologistas e na segunda etapa por pacientes que iriam ser submetidos a cirurgia eletiva pelo SUS. A coleta de informações permitiu construir um fluxograma para realização da consulta de enfermagem pré-operatória a ser proposto para implantação. Elaborado um instrumento e inserido no Tasy para conduzir e registrar a consulta de enfermagem e um infográfico com orientações para os pacientes cirúrgicos. Realizado um teste piloto da consulta de enfermagem pré-operatória no ambulatório no período entre julho e agosto de 2022. Resultados da produção intelectual e técnica: 109 pacientes atendidos, sendo 50,4% do sexo feminino, 53% moradores de Porto Alegre e 47% provenientes do interior do Rio Grande do Sul. A especialidade cirúrgica com maior número de pacientes atendidos foi a cirurgia geral, representando 44% dos atendimentos. As demais especialidades foram urologia 29,3%, traumatologia 13,7%, ginecologia 5,5%, proctologia 3,6%, cirurgia vascular 2,7% e otorrinolaringologia 0,9%. O tempo médio de atendimento foi de 16 minutos. Conclusão: Evidenciou-se que o atendimento ambulatorial aos pacientes no pré- operatório realizado pela enfermeira é viável na instituição, permitindo promover espaço de diálogo e acolhimento, dessa forma pode-se contribuir para a melhoria da qualidade do cuidado. Para ocorrer a implantação, recomenda-se disponibilizar recurso humano e materiais, sendo esses uma enfermeira, uma sala no ambulatório e um computador com internet. Produto técnico: 4 - Processo/Tecnologia e produto/material não patenteável.
  • Item
    Proposta de implementação e monitoramento de protocolo assistencial de enfermagem para pacientes adultos submetidos à derivação ventricular externa
    (2023) Binkowski, Sabrina; Caregnato, Rita Catalina Aquino; Blatt, Carine Raquel; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    A Derivação Ventricular Externa (DVE) é uma tecnologia terapêutica frequentemente utilizada em pacientes acometidos por patologias neurológicas demandando uma assistência complexa, requer conhecimento da equipe de enfermagem fundamentados em protocolos baseados em evidências que garantam uma assistência segura. Objetivo: Estruturar uma proposta de implementação do protocolo assistencial de enfermagem para pacientes adultos submetidos à DVE em um complexo hospitalar. Materiais e Métodos: Pesquisa exploratória descritiva fundamentada na Ciência da Implementação realizada em quatro etapas: 1) levantamento inicial com aplicação de questionário online com enfermeiros, a fim de conhecer as práticas prévias realizadas em pacientes adultos com DVE; 2) apresentação aos atores chaves a matriz de indicadores propostos para avaliação da implementação do protocolo; 3) elaboração de um curso online autoinstrucional para enfermeiros; e 4) realização da síntese de um protocolo elaborado pela equipe de pesquisa. Pesquisa realizada em um complexo hospitalar localizado no sul do Brasil, no período de maio a dezembro de 2022. Na primeira etapa participaram seis enfermeiros, permitindo identificar carência de conhecimento sobre cuidados de enfermagem fundamentados na PBE. Na segunda, participaram quatro atores chaves do serviço de neurocirurgia para validação, definindo-se para implantação os indicadores: tempo médio de permanência da DVE em dias; tempo médio de permanência da DVE em dias por patologia; adesão à capacitação; taxa de infecção associada à DVE; número de complicações da DVE por paciente por patologia de base; número médio de complicações da DVE por paciente. No desenvolvimento do curso utilizou-se o design instrucional contextualizado, com cinco fases: análise, design, desenvolvimento, implementação e avaliação. Resultados da Produção intelectual e técnica: O curso possui carga horária total de seis horas, dividido em dois módulos com oito vídeos disponibilizados na plataforma institucional. A média calculada do escore do System Usability Scale do curso ficou em 58,75, equivalente a “aceitável”. O Protocolo Assistencial de Cuidados de Enfermagem para pacientes com Derivação Ventricular Externa (DVE), construído e validado em pesquisas anteriores, foi analisado, sintetizado adequando ao modelo institucional por seis pessoas, incluindo as chefias do serviço, as pesquisadoras e uma bolsista, sendo entregue ao setor de Qualidade. Conclusão: Disponibilizado ao complexo hospitalar uma proposta de implementação de um Protocolo Assistencial que permitirá qualificar a assistência de enfermagem ao paciente com DVE. Produto técnico: 2- Material didático e 3- Manual/protocolo.
  • Item
    Protótipo de software para a gestão de vacinas na saúde do trabalhador
    (2023) Hahn, Joice Rodrigues Machado; Paz, Adriana Aparecida; Souza, Luccas Melo de; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: O enfermeiro do trabalho estabelece ações preventivas, promotoras e protetivas à saúde dos trabalhadores no cenário laboral, especialmente o registro e controle das vacinas ocupacionais aplicadas, que ainda são realizados de forma manual. Entretanto, com a evolução das tecnologias, surge a possibilidade de se ofertarem diversos softwares e/ou aplicativos para a gestão em saúde. Objetivo: Desenvolver um protótipo de software para o gerenciamento das vacinas ocupacionais. Materiais e Métodos: Estudo metodológico que reuniu diversos métodos para sustentar uma produção tecnológica, baseado no Design Centrado no Usuário (DCU) e framework Scrum – e pesquisa. Na primeira fase, identificaram-se as necessidades e demandas com apoio de estudo transversal e literatura científica. Na segunda fase, criou-se a solução com o desenvolvimento da modelagem e do wireframe do protótipo. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (Parecer número 5.040.951/2021). Resultados da produção intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em três artigos científicos, sendo um deles aceito para a publicação, e estando os demais em processo de submissão nas revistas. A produção técnica gerou dois produtos, sendo o primeiro a modelagem do protótipo que agregou as especificações técnicas e de design, e o segundo o wireframe do protótipo de software (produto principal). As informações sobre os registros das vacinas aplicadas e dos relatórios para o planejamento e organização da gestão de vacinas ocupacionais foram observadas mediante a exploração dos requisitos do usuário e do conteúdo informativo incorporado ao desenvolvimento do protótipo. Dos 35 participantes da primeira fase, sete realizaram o processo de validação do wireframe. Obtiveram-se índices de 92% e 100%, respectivamente, em usabilidade e interface. Conclusão: O protótipo de software possui condições de otimizar o tempo do enfermeiro do trabalho na gestão e controle das vacinas ocupacionais. Ademais, poderá contribuir na adesão e continuidade do esquema vacinal, demonstrando o aumento da cobertura vacinal do trabalhador e condicionando à proteção individual e coletiva nas instituições. Produto técnico: 6 - Software /Aplicativo.
  • Item
    Construção e validação de vídeos educativos sobre a consulta de enfermagem às mulheres no âmbito da atenção primária à saúde
    (2023) Lima, Renata Regina de; Rabin, Eliane Goldberg; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: A Consulta de Enfermagem (CE) no contexto da Atenção Primária à Saúde (APS), é um amplo espaço para a integralidade da assistência à saúde da mulher. Para que a CE se desenvolva de maneira sistematizada, precisa seguir as etapas do Processo de Enfermagem (PE), que devem orientar o registro formal em prontuário clínico pelo enfermeiro. Objetivo: Construir e validar vídeos educativos destinados aos enfermeiros que atuam na Atenção Primária à Saúde (APS), como subsídio na Consulta de Enfermagem às mulheres e no seu registro. Materiais e métodos: Estudo metodológico de produção tecnológica para construção e validação de vídeos educativos realizado em três fases. Na primeira, denominada pré-produção, selecionou-se os temas e elaborou-se o roteiro dos vídeos. Na segunda etapa, produção, houve a elaboração dos storyboards e edição dos vídeos educativos no software de animação de vídeo Animaker. Na terceira etapa, pós-produção, os vídeos foram avaliados por um grupo de juízes em dois momentos, em que na primeira avaliação os vídeos educativos não atingiram a pontuação mínima para validação, sendo readequados e validados quanto ao seu conteúdo na segunda avaliação. Este estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob parecer CAAE: 56319922.9.0000.5345. Resultados da produção intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em 01 artigo científico em apreciação em revista da enfermagem. A produção técnica configurou-se em quatro vídeos educativos. Adicionalmente, criou- se uma playlist YouTube® em formato MP4, disponível em https://www.youtube.com/channel/UC7GsWnbXKeAd_InGJ6okkg/. Conclusão: Os produtos possuem utilidade potencial para o aprimoramento da profissão relacionado ao Processo de Enfermagem e a sua documentação na gestão do cuidado de enfermagem à saúde da mulher no âmbito da APS, e apresentam o potencial de apoiar o processo de ensino-aprendizagem dos enfermeiros da APS. Produto técnico: 2 - Material didático.
  • Item
    Desenvolvimento e implantação de registro de enfermagem informatizado para avaliação de gestante que aguarda leito de internação em emergência e centro obstétrico
    (2023) Rauber, Caroline Santini ; Souza, Emiliane Nogueira de; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: O processo de enfermagem caracteriza-se por atividades dinâmicas que direcionam a assistência dos profissionais de enfermagem, favorecendo a correta documentação das ações desenvolvidas, orientadas por meio de fundamentação teórico-científica. Na assistência obstétrica, observa-se que a enfermagem exerce um papel importante junto às gestantes, através de ações de cuidado direto e indireto, as quais devem ser adequadamente registradas. Objetivo: Elaborar e implantar um modelo de registro informatizado, para avaliação de gestantes que aguardam, na emergência obstétrica e no centro obstétrico, transferência intra-hospitalar. Materiais e métodos: Projeto aplicado com utilização do método PDSA e da técnica Delphi para validação de um formulário para melhoria da avaliação e do registro realizado por enfermeiras. O método PDSA foi utilizado para organização e orientação das ações do projeto. Para o processo de validação foram necessárias duas rodadas de avaliação com a participação de nove enfermeiras, utilizando-se um questionário preenchido anonimamente, no Google Forms®. Após a validação dos itens, o departamento de Tecnologia da Informação da instituição, desenvolveu a tela no sistema informatizado Tasy®. Resultados da produção intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em dois artigos científicos, sendo um já publicado e outro em submissão. A produção técnica configurou-se em uma interface no sistema informatizado da instituição (Tasy® Phillips) para avaliação de gestantes que aguardam transferência intra-hospitalar e um procedimento operacional padrão para a instituição. Conclusão: foi desenvolvida uma interface de registro no sistema informatizado para atender à regulamentação profissional e adequar os registros de enfermagem em prontuário eletrônico, relacionados às gestantes que aguardam transferência para a unidade de internação obstétrica no centro obstétrico. Com isso, gera-se mais segurança e melhor comunicação. Produto técnico: 4 - Processo/Tecnologia e produto/material não patenteável.
  • Item
    Curso de formação profissional sobre o processo de enfermagem ao paciente com lesão por pressão
    (2023) Rodrigues, Nicole Hertzog; Paz, Adriana Aparecida; Souza, Luccas Melo de; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: Estudos sobre lesão por pressão apontam a premência de propostas de ações educativas para enfermeiros. Objetivo: Construir um curso de formação profissional para o aprimoramento das competências dos enfermeiros na elaboração do processo de enfermagem e registros eletrônicos do paciente em risco e/ou com lesão por pressão (LP). Materiais e Métodos: Estudo metodológico constituído por três fases do modelo ADDIE: análise, desenho e desenvolvimento. Na fase 1, realizaram-se uma revisão integrativa e estudo transversal para análise da demanda do curso com enfermeiros assistenciais. Na fase 2, elaborou-se o desenho pedagógico do curso com planos de ação pedagógica (PAP). Já na fase 3, criaram-se os storyboards, e o Comitê de Especialistas validou os PAP e storyboards do curso. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (nº 5.040.968/2021 e 5.186.245/2021). Resultados da produção intelectual e técnica: A produção intelectual resultou em quatro artigos científicos, sendo um publicado e três em processo de submissão às revistas. A produção técnica configurou-se em 17 produtos técnicos, sendo o principal produto o material didático do curso de formação profissional sustentado por 16 subprodutos na modalidade de materiais pedagógicos e didáticos: três PAP; seis storyboards; seis recursos educativos em formato de vídeo; e uma playlist na plataforma YouTube. Estes produtos podem ser consumidos, utilizados e reutilizados independentemente do curso, conforme a Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. Os PAP e storyboards foram avaliados por dois Comitê de Especialistas, em tempo distinto, a fim de alcançar a proporção do índice de validade de conteúdo de 0,69 versus 0,92 (p<0,001). Conclusão: O curso foi avaliado por especialistas e apresenta qualidade técnico-científico e especializada para a oferta online aos enfermeiros. O impacto potencial do curso é a produção do conhecimento e do aprimoramento das competências do enfermeiro no cuidado ao paciente em risco e/ou com LP. Produto técnico: 10 – Curso de formação profissional.
  • Item
    Desenvolvimento de um programa de navegação para pacientes da linha de cuidado de atenção a mama de uma operadora de saúde
    (2022) Siqueira, Suellen Werlang de Almeida da; Caregnato, Rita Catalina Aquino; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: A navegação de pacientes é um processo que consiste em “navegar” os pacientes pelo sistema de saúde durante toda sua jornada oncológica, objetivando eliminar as barreiras entre as fases de suspeita, diagnóstico e tratamento do câncer. Objetivo: Desenvolver uma Linha de Cuidado de Atenção a Mama e um Programa de Navegação para pacientes beneficiárias de uma operadora de saúde. Materiais e Métodos: Pesquisa convergente assistencial (PCA). Seguiu-se as quatro etapas do Ciclo de Desenvolvimento de Programas de navegação de pacientes: diagnóstico, planejamento, implantação e avaliação. O campo de ação foi uma Operadora de Saúde do Rio Grande do Sul. O estudo respeitou todos os aspectos éticos. Resultados da Produção intelectual e técnica: No diagnóstico, identificado as possíveis barreiras enfrentadas pelas pacientes durante a assistência, desde o rastreamento do câncer de mama, descritos os objetivos do programa, resultados esperados e plano de ação, na metodologia 5W2H. O programa foi planejado para atender o perfil de beneficiárias da operadora. Realizou-se o piloto da navegação com duas enfermeiras de áreas distintas. Foi utilizado a ferramenta PDSA (Plan, Do, Study e Action), para aferir se todas as etapas anteriores ocorreram como planejadas. Foi disponibilizado à operadora, uma Linha de Cuidado para pacientes de Atenção a mama e um Programa de Navegação, a fim de melhorar as condições de acesso das beneficiárias ao sistema de saúde, atendendo aos requisitos de simplicidade, baixo custo, fácil aplicabilidade e replicabilidade. Conclusão: Os produtos possibilitarão o atendimento humanizado proporcionando comunicação efetiva entre os serviços de saúde e operadora com coordenação do cuidado pelo enfermeiro navegador, favorecendo o rastreamento e início ao tratamento em tempo oportuno, bem como, a integração e promoção da comunicação entre os serviços de saúde que compõem essa Rede. Produto Técnico: 1- Tecnologia social.
  • Item
    Desenvolvimento e validação de um material didático digital sobre a importância do leite humano e da esgota precoce para mães de prematuros
    (2022) Amorim, Jerusa da Rosa de; Silva, Filipe Santana da; Coelho, Débora Fernandes; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    INTRODUÇÃO: O leite humano é o alimento ideal e completo sendo indicado o uso exclusivo até o sexto mês de vida dos bebês. O nascimento prematuro é um acontecimento inesperado e impactante para o contexto familiar, gerando dúvidas e temores que envolvem a internação em uma Unidade de Tratamento Intensiva Neonatal (UTIN). A equipe de enfermagem é fundamental para priorizar a fala sobre a importância da oferta de leite humano ao prematuro. OBJETIVO: Elaborar e validar com profissionais um material didático digital sobre a importância da oferta do leite humano para o prematuro e sua extração nas primeiras 24 horas após o nascimento. MATERIAIS E MÉTODOS: O estudo foi dividido em três etapas: (i) revisão de escopo, (ii) estudo longitudinal e (iii) desenvolvimento e validação dos vídeos. A revisão de escopo foi desenvolvida sobre evidências referentes às intervenções para a promoção da amamentação de prematuros em centros neonatais e seus desfechos. O estudo longitudinal foi subdividido em duas etapas, uma qualitativa e outra quantitativa. Para a etapa qualitativa, foi enviado um questionário para mães de prematuros internados em UTIN através de grupos para prematuridade em redes sociais. Foram incluídas mães de prematuros que estiveram internados na UTIN entre os anos de 2016 e 2019, atendidos nos serviços públicos ou da saúde suplementar no Brasil. PRODUÇÃO INTELECTUAL E TÉCNICA: Os dados e informações coletadas serviram como base para a construção de um material didático digital, na forma de vídeos, e disponibilizados no Youtube® e no Instagram do COREN-RS. APLICABILIDADE: Protocolos implementados para promoção da amamentação de prematuros serão eficazes quando houver adesão por parte da equipe e entendimento que a abordagem não deve ser restrita somente a UTI neonatal. Os vídeos desenvolvidos foram bem qualificados por especialistas e estão disponíveis para acesso na internet. CONCLUSÃO: Compreender que o processo de amamentação de um prematuro inicia desde a internação da mãe com possibilidade de um parto prematuro deve fazer parte de um planejamento de cuidado pela equipe de saúde e a abordagem não deve ser restrita somente a UTI neonatal quando pensamos em estabelecer aleitamento materno. A extração de leite humano, apoio psicológico, momentos de trocas de experiências e escuta durante o período de internação podem auxiliar na continuidade e o sucesso do aleitamento mesmo após alta, prática significativa ainda mais quando falamos da prematuridade. PRODUTO TÉCNICO: 13- Produto de comunicação.
  • Item
    Tecnologias assistenciais para o cuidado de enfermagem a pacientes com transtorno de ansiedade em unidade de saúde prisional
    (2021) Amaral, Roslaine Ifran; Viana, Ana Cristina Wesner; Paz, Adriana Aparecida ; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
    Introdução: Identifica-se na Unidade Básica de Saúde Prisional da Penitenciária Feminina Madre Pelletier a crescente demanda de atendimentos associados aos problemas relacionados à saúde mental, destacando-se os transtornos de ansiedade. Dessa maneira, a existência de um protocolo de cuidados se torna necessária para auxiliar a equipe, permitindo fortalecimento, qualificação e padronização da assistência prestada. Objetivo: Elaborar tecnologias assistências para o cuidado de enfermagem a pacientes com transtornos de ansiedade em unidade de saúde prisional. Método: Trata-se de estudo metodológico e de desenvolvimento tecnológico em saúde, composto por quatro fases: 1) revisão sistemática para avaliar a qualidade das evidências das intervenções terapêuticas realizadas por enfermeiros para indivíduos com transtorno de ansiedade; 2) revisão integrativa para identificar as intervenções terapêuticas realizadas para transtorno de ansiedade; 3) elaboração do manual para profissionais de enfermagem com descrição de técnicas para assistência a pacientes com transtorno de ansiedade no sistema de saúde prisional; e 4) desenvolvimento do protocolo assistencial de acordo com as orientações do Guia para Construção de Protocolos Assistenciais de Enfermagem e em conformidade com o Instrumento AGREE II. Resultados: Os estudos da revisão sistemática demonstraram que as intervenções realizadas por enfermeiros apresentaram eficácia em curto e longo prazos na redução do nível de ansiedade e/ou remissão dos sintomas e na melhora clínica de sintomas relacionados às comorbidades. Os artigos utilizados para a elaboração do protocolo foram classificados de acordo com a qualidade das evidências, por meio do GRADE: sendo a maioria de qualidade alta. Para avaliar a qualidade de evidências dos estudos da revisão integrativa, utilizou-se o método Oxford Centre for Evidence-based Medicine, com classificação 1B para todos os estudos, evidenciando a utilização das seguintes intervenções terapêuticas para transtorno de ansiedade: Psicoeducação; Atenção Plena; Terapia Comportamental Baseada em Evidências; Relaxamento Aplicado; TCC transdiagnóstica; Terapia comportamental dialética; Técnicas de atividade positiva; TCC individual e em grupo; Técnica de transcendência intervenção multifacetada de base espiritual; Protocolo Unificado para Tratamento Transdiagnóstico de Transtornos Emocionais; Protocolo de Intervenção de Atividade Positiva; e Arteterapia. Conclusão e Produto: A revisão sistemática com metanálise evidenciou que os enfermeiros são profissionais capacitados para realizarem intervenções para os transtornos de ansiedade. A revisão integrativa evidenciou a atenção plena e a psicoeducação como intervenções terapêuticas de maior escolha entre os estudos. Para a sistematização da assistência foi desenvolvido um manual para profissionais de enfermagem com descrição de técnicas para assistência a pacientes com transtorno de ansiedade no sistema de saúde prisional e um protocolo assistencial de enfermagem para assistência de pacientes com transtorno de ansiedade em unidade de saúde prisional, com o intuito de qualificar o planejamento e a execução de ações para o trabalho multidisciplinar e a gestão do cuidado às pessoas privadas de liberdade.