Cultura de segurança do paciente no centro cirúrgico e sala de recuperação: estratégia de melhoria através de jogos sérios

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2020
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Wagner Wessfll
Resumo
Introdução: A cultura de segurança de uma organização é o produto de valores individuais e de grupo, atitudes, percepções, competências e padrões de comportamento que determinam o compromisso e o estilo e competência da gestão na promoção de segurança. Após uma pesquisa realizada no ano de 2018, na instituição indicada neste estudo, que avaliou a cultura de segurança do paciente percebida pelos profissionais de saúde assistenciais e de apoio técnico administrativo, os resultados evidenciaram uma cultura fragilizada em diversas áreas do hospital, como o Centro Cirúrgico (CC) e Sala de Recuperação Pós-Anestésica (SR). Objetivo: Desenvolver dois jogos sérios visando melhorar a cultura de segurança do paciente nas áreas de CC e SR. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa realizada em duas etapas: Etapa 1 (Fase exploratória): constituída pelos resultados de pesquisa realizada em 2018 e pesquisa qualitativa através de entrevistas projetiva coletiva com os técnicos de enfermagem considerando sua percepção acerca dos resultados da referida pesquisa e análise do Protocolo de Cirurgia Segura da OMS. Etapa 2 (Desenvolvimento dos Jogos Sérios): Em cima das fragilidades apontadas pelo estudo e confirmada na pesquisa qualitativa com os técnicos em enfermagem optou-se por realizar dois jogos com temáticas diferentes. Resultados: A partir das fragilidades, verificadas na área cirúrgica através da análise dos dados percebeu-se a necessidade de trabalhar a comunicação e transferência do cuidado entre turnos e unidades. A escolha de se trabalhar com jogos sérios foi para sanar a necessidade de treinamentos tantas vezes evidenciada nas falas fazendo uso de metodologias ativas para envolver o profissional. Conclusão: Os jogos têm a finalidade de transformar os treinamentos em dinâmicas que propiciem a interação profissional e desenvolvam o pensamento crítico. Devido a pandemia da COVID-19 não foram realizados testes de eficácia nos jogos desenvolvidos.
Descrição
Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ensino na Saúde, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
Palavras-chave
Segurança do Paciente, Jogos Experimentais, Educação Continuada, [en] Patient Safety, [en] Games, Experimental, [en] Education, Continuing
Citação