Tradução, adaptação cultural e validação do constant score para a Língua Portuguesa

dc.contributor.advisorSilva, Marcelo Faria
dc.contributor.advisor-coRosa, Luis Henrique Telles da
dc.contributor.authorBarreto, Rodrigo Py Gonçalves
dc.date.accessioned2016-09-27T14:11:42Z
dc.date.accessioned2023-10-09T13:51:23Z
dc.date.available2016-09-27T14:11:42Z
dc.date.available2023-10-09T13:51:23Z
dc.date.date-insert2016-09-27
dc.date.issued2014
dc.descriptionDissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.pt_BR
dc.description.abstractIntrodução: A escala de avaliação funcional Constant score é um dos instrumentos mais usados no mundo para avaliação funcional do ombro. É um instrumento simples e prático que tem sido usado por pesquisadores em diversos países. Ele se diferencia dos demais por possuir um sistema misto de respostas (self-report e avaliativo), ou seja, existem dimensões em que o paciente necessita ser avaliado pelo profissional, como a força muscular através de dinamometria, por exemplo. Nenhuma outra escala de avaliação possui essa característica em relação à medida de força. Objetivo: O objetivo foi traduzir, adaptar culturalmente e iniciar o processo de validação para a utilização dessa escala no Brasil, através da verificação da consistência interna e realização de análise fatorial exploratória. Metodologia: As etapas para a tradução e adaptação cultural seguiram as orientações de Guillemin et al. (1993) e Beaton et al. (2000). Inicialmente, foram realizadas duas traduções independentes da versão original com tradutores nativos brasileiros (forward translation). Logo após, foram realizadas duas traduções independentes da versão unificada, durante a primeira etapa, por tradutores nativos americanos (backward translation) e, por fim, um teste em campo com 40 sujeitos, para a análise da semântica, de equivalência linguística, equivalência nas experiências diárias e equivalência conceitual. Depois das etapas de forward translation e backward translation e do teste em campo, iniciaram-se as análises necessárias para a verificação de validade da medida da Escala de Constant com a ampliação da amostra para 110 sujeitos. Resultados: Avaliaram-se 101 pacientes e nove participantes sem disfunção de ombro, totalizando 110 sujeitos. As etapas de tradução e adaptação cultural resultaram em poucas mudanças, após o teste em campo, para garantir a melhor interpretabilidade possível aos participantes. A partir da análise das propriedades psicométricas da Escala de Constant, obteve-se cargas fatoriais que variaram entre 0,60 e 0,91 com a sugestão de melhor solução para a extração de apenas um fator. Além disso, a variância explicada pela extração de um fator foi de 60,28%. A Escala de Constant apresentou correlação forte e negativa com a escala Disabilities of the Arm, Shoulder and Hand – DASH (- 0,82, p < 0,05) e um alfa de Cronbach de 0,85. Conclusão: A partir desses resultados, é possível concluir que a Escala de Constant possui validade de conteúdo, de critério e de construto. Além disso, possui consistência interna adequada, satisfazendo as condições para sua utilização no meio clínico para avaliação de pacientes com disfunções de ombro.pt_BR
dc.description.abstract-enIntroduction: The Constant score is one of the most wide world used instrument for functional assessment of the shoulder. It differs from the others because of a mixed response system (self-report and evaluative) in which the patient needs to be evaluated by the professional, in some dimensions, as the muscle strength by dynamometry, for example. No other score presents this characteristic regarding muscle strength measurement. Objective: The objective was to translate, culturally adapt and starting the validation process for allow the use of this score in Brazil, by performing its internal consistency verification and exploratory factor analysis. Methodology: The recommendations of Guillemin (1993) and Beaton (2000) for translation and cultural adaptation were followed. Initially, the original version was independently translated by two Brazilian native-speaker translators (forward translation). A unified version was held and, after this, two American native-speakers independently translated the unified Brazilian version (backward translation). From all the score versions, a committee of experts consolidated a pre-test version and a field test was performing, by the assessment of 110 subjects. After forward and backward translation and the field test, the validity of the measure analysis of the Constant score was initiated by increasing the sample for 110 subjects. Results: One hundred and then subjects (101 patients and nine participants without shoulder dysfunction) were evaluated. The translation and cultural adaptation phases resulted in few changes after field testing, allowing the best possible interpretability by the participants. The psychometric properties analysis of the Constant score resulted in a factor loading ranging between 0.60 and 0.91. Moreover, the explained variance, by the extraction of one factor, was 60.28 %. The Brazilian Constant score presented a strong negative correlation with the Disabilities of the Arm, Shoulder and Hand score – DASH (- 0.82, p < 0.05) and Cronbach's alpha = 0.85. Conclusion: The Brazilian Constant score was validated regarding content, criterion and construct. In addition, it presented an adequate internal consistency allowing its use for the assessment of patients with shoulder disorders at the clinical setting.pt_BR
dc.description.sponsorshipReunipt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufcspa.edu.br/handle/123456789/207
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.relation.requiresAdobe Readerpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto Imediato*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/*
dc.subjectOmbropt_BR
dc.subjectAvaliaçãopt_BR
dc.subjectEscalaspt_BR
dc.subjectInquéritos e Questionáriospt_BR
dc.subjectTraduçãopt_BR
dc.subject[en] Shoulderen
dc.subject[en] Evaluationen
dc.subject[en] Weights and Measuresen
dc.subject[en] Surveys and Questionnairesen
dc.subject[en] Translatingen
dc.titleTradução, adaptação cultural e validação do constant score para a Língua Portuguesapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
[DISSERTAÇÃO] Barreto, Rodrigo Py Gonçalves
Tamanho:
2.8 MB
Formato:
Unknown data format
Descrição:
Texto completo
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
1.71 KB
Formato:
Plain Text
Descrição: