Epidemiologia e desfechos do manejo da nefropatia por BK vírus através da política de vigilância

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
Introdução: A nefropatia associada ao vírus BK (BKVAN) é importante complicação após o transplante renal, com prevalência entre 1-10% e perda do enxerto em aproximadamente 50% dos casos. Sem tratamento eficaz, sendo que a detecção viral precoce e redução da imunossupressão (IS) é a estratégia atual para prevenir a BKVAN. Objetivos: verificar incidência de BKVAN em um único centro e avaliar a resposta à redução dos imunossupressores através da análise de sobrevida do enxerto renal. Métodos: avaliação retrospectiva da coorte de transplantados renais com BKVAN comprovado por biópsia em comparação com pacientes sem BKVAN em relação a aspectos clínicos, imunossupressão e sobrevida do enxerto durante pelo menos 2 anos. Resultados: 58 biópsias comprovaram BKVAN entre 1532 transplantados renais no período de estudo, apresentando incidência cumulativa de 4,1% e tempo médio do transplante ao diagnóstico de 187 (IC 61-1275) dias. BKVAN foi associado ao sexo masculino receptor (p = 0,042), doador falecido (p = 0,007) e diabetes pré-existente (p = 0,017). Doze (20,6%) pacientes tiveram um episódio de rejeição aguda após o diagnóstico de BKVAN e redução de IS. A sobrevida do enxerto foi inferior para os pacientes com BKVAN e a sobrevida em 5 anos foi inferior para os estágios B de Banff (69,7%) em relação ao estágio A (80,8%) e não-BKVAN (88,0%) (p = 0,017). Treze (22,4%) pacientes com BKVAN perderam os enxertos, 9 (15,5%) atribuídos à infecção por BKV. Três pacientes com perda de enxerto associada ao BKV foram submetidos a novo transplante de rim e sem evidência de replicação viral (seguimento de 7, 12 e 31 meses). Conclusão: a incidência cumulativa em nosso estudo foi 4,1%, o que está de acordo com o relatado na literatura. Nenhuma conclusão sobre a melhor estratégia de tratamento pode ser elaborada neste momento, sendo necessários estudos complementares.
Descrição
Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Patologia, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
Palavras-chave
Poliomavírus, Transplante Renal, Vírus BK, [en] Polyomavirus, [en] Kidney Transplantation, [en] BK Virus
Citação