Autorregulação emocional associada a construtos da Psicologia Positiva e Distress Psicológico em universitários da área da saúde durante a pandemia COVID-19

Imagem de Miniatura
Data
2022
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
A autorregulação emocional é um fator transdiagnóstico relevante para o desenvolvimento humano, capaz de minimizar dificuldades emocionais diante de eventos tristes e que pode ser útil, especialmente, em tempos de adversidades como o da pandemia COVID-19 considerando seu impacto negativo na saúde mental de estudantes universitários. O presente estudo teve como objetivo avaliar a autorregulação emocional em universitários da área da saúde do Brasil e sua relação com construtos da Psicologia Positiva (bem-estar subjetivo, esperança, otimismo, espiritualidade, autocompaixão e autoeficácia) e ao distress psicológico (depressão, ansiedade e estresse). Trata-se de estudo observacional, transversal, prospectivo e analítico que avaliou 1.062 estudantes universitários de cursos de graduação da área da saúde de universidades do Brasil, via questionários eletrônicos autoaplicados. Dos participantes, 837 (78,8%) respondentes declararam-se mulheres, 213(20,1%) homens e 12(1,1%) outros. Os escores de desregulação foram significativamente maiores no sexo feminino em relação ao sexo masculino (21,85 ±8,83 x 18,46 ±8,99, p=0<001). Alunos dos anos iniciais apresentaram escores de desregulação significativamente maiores que os dos anos finais (21,99 ±8,85 x 20,64 ±9, com p=0,015). Realizou-se regressão linear múltipla e se encontrou modelo que explica 71,8% da variabilidade da desregulação emocional. A desregulação emocional apresentou correlação significativamente negativa com todos os construtos da Psicologia Positiva e positiva com distress psicológico. Os resultados indicaram que os construtos autocompaixão, otimismo e bem-estar subjetivo foram os que mais contribuíram para minimização de dificuldades emocionais e que cuidados com a saúde mental, especificamente para a diminuição do distress psicológico, qualificam a capacidade de regulação emocional em universitários.
Descrição
Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Psicologia e Saúde, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
Palavras-chave
Regulação Emocional, Psicologia Positiva, Angústia Psicológica, COVID-19, Alunos Universitários, [en] Emotional Regulation, [en] Psychology, Positive, [en] Psychological Distress
Citação