A presença das dermatites de contato e o perfil dos agentes sensibilizantes em trabalhadores da área da saúde em duas instituições no Sul do Brasil

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2016
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
Introdução: A dermatite de contato (DC) é uma dermatose comum, que representa grande parte das dermatoses ocupacionais, sendo os trabalhadores da área da saúde um grupo populacional frequentemente acometido pela doença. Existem poucos estudos sobre o tema no Brasil. Objetivos: Determinar a prevalência de dermatite de contato irritativa (DCI) e alérgica (DCA) nos trabalhadores da área da saúde do Hospital Sanatório Partenon e do Ambulatório de Dermatologia Sanitária do Estado do Rio Grande do Sul, a frequência dos agentes sensibilizantes e a prevalência de DC ocupacional nesta população. Material e Métodos: estudo transversal com um total de 280 trabalhadores das duas instituições. Aqueles com diagnóstico de DC foram submetidos aos testes de contato. Realizou-se descrição das variáveis e o teste do qui-quadrado foi utilizado para avaliar associações. Resultados: Foram incluídos 176 trabalhadores (representando 62,8% de todos os trabalhadores), com idade média de 42,9 anos, sendo 77,3% do sexo feminino. As profissões mais prevalentes foram técnico/auxiliar de enfermagem (36,4%), médico (30,0%) e enfermeiro (11,4%). 19,3% dos trabalhadores apresentaram diagnóstico de DC. Profissionais da enfermagem foram os mais comumente afetados pela DC (67,7% dos casos, p=0,009). DC foi mais frequente nos trabalhadores com história pessoal ou familiar de atopia (91,2%, p=0,0003). Do total de trabalhadores incluídos, 16,0% foram submetidos aos testes de contato, sendo que os agentes sensibilizantes mais frequentes foram o sulfato de níquel, o bicromato de potássio e o cloreto de cobalto. A prevalência de DCI foi de 42,9% e de DCA foi de 57,1%. A prevalência geral de DC ocupacional foi de 8,0%. Conclusão: encontramos alta prevalência de DC em profissionais da saúde e os profissionais da enfermagem foram mais frequentemente afetados Os agentes sensibilizantes mais frequentemente encontrados também podem afetar os trabalhadores em ambiente não-ocupacional, ampliando sua ação sensibilizante.
Descrição
Palavras-chave
Dermatite de Contato, Testes de Contato, Dermatose Ocupacional, [en] Dermatitis, Contact, [en] Dermatitis, Occupational
Citação