Avaliação dos efeitos da abstinência alcoólica em ratos submetidos a um modelo de preferência por etanol

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2014
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
A autoadministração contínua de etanol em animais pode manifestar alterações comportamentais exploratórias e no consumo, e repetidos episódios de abstinência ao álcool pode aumentar estes riscos. O principal objetivo do estudo foi avaliar alterações comportamentais durante períodos agudos de abstinência a doses baixas de álcool em ratos. Foram utilizados 58 ratos Wistar adolescentes (35-40 dias) alojados individualmente e submetidos a um modelo de autoadministração crônica de etanol (6-8% v/v) a partir de uma dieta forçada durante 21 dias. Após este período os animais seguiram com um modelo de ciclos de 24h entre abstinência aguda e reapresentação do álcool por 10 dias. As análises comportamentais foram obtidas somente nos dias de abstinência realizando os testes de campo aberto, labirinto em cruz-elevado e nado forçado, consecutivamente após 6-9h da retirada do álcool. Os ratos controles receberam a mesma dieta, mas sem etanol e com adição de sacarose durante todo período e realizaram todos os testes comportamentais. O modelo de ciclos repetidos de privação de etanol aumentou o consumo pela solução alcoólica e sua procura (média ± erro padrão: 36,2±1,3g; P<0,001). Além disso, durante as primeiras horas de abstinência ao álcool houve uma diminuição significativa na atividade exploratória dos animais no campo aberto (67,0±3,7s; P<0,001) e ainda eles esticaram menos no labirinto em cruz-elevado (4,0±0,4s; P=0,045). Entretanto, no teste do nado forçado os ratos permaneceram menos tempo imóveis (165,9±7,7s; P=0,002). As repetidas abstinências agudas de álcool induziram alterações comportamentais menores nos animais, dos quais estes curtos períodos de privação modelaram parcialmente as mudanças afetivas relacionadas a comportamentos tipo-ansiedade e depressão.
Descrição
Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
Palavras-chave
Etanol, Abstinência de Álcool, Autoadministração, Comportamento Animal, Alcoolismo, [en] Ethanol, [en] Alcohol Abstinence, [en] Self Administration, [en] Behavior, Animal, [en] Alcoholism
Citação