Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufcspa.edu.br/jspui/handle/123456789/831
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
[DISSERTAÇÃO] Luiz, Flavia FeronTexto integral2,06 MBAdobe PDFView/Open
Title: Humanização no ambiente de terapia intensiva: percepção do familiar/acompanhante e do profissional da saúde
Authors: Luiz, Flavia Feron
metadata.dc.contributor.advisor: Costa, Márcia Rosa da
metadata.dc.contributor.advisor-co: Caregnato, Rita Catalina Aquino
Issue Date: 2016
Keywords: Humanização da Assistência
Cuidados Críticos
Educação em Saúde
[en] Humanization of Assistance
[en] Critical Care
[en] Health Education
Abstract: A partir das atividades assistenciais em Terapia Intensiva da mestranda pesquisadora, percebeu-se que muitas ações dos profissionais da saúde que atuam neste setor estão em desacordo com as práticas preconizadas pelo Ministério da Saúde em sua Política Nacional de Humanização (PNH). Com intuito de melhorar tais práticas, este estudo buscou compreender a percepção destes profissionais sobre a humanização comparando-os com o olhar que os usuários de saúde, representados pelos familiares/acompanhantes, pensam sobre o tema para direcionar a uma ação educativa nesta área. A metodologia adotada caracterizou-se como um estudo de campo, do tipo exploratório-descritivo, com uma abordagem qualitativa. Utilizou-se para a coleta dos dados as técnicas de entrevista individual e grupo focal. Ao analisar os dados, por meio da Análise de Conteúdo proposta por Bardin, observou-se que apesar dos sujeitos expressarem de maneiras distintas as suas percepções sobre humanização os dois grupos comparados elencaram iguais necessidades e prioridades para o aprimoramento da humanização na Terapia Intensiva, a saber: a acolhida, a comunicação, o profissionalismo ético e sensível, aspectos desfavoráveis para a humanização, reflexão e reformulação do próprio conceito deles em relação à humanização e, por fim, a religiosidade/espiritualidade. A partir dos resultados encontrados criou-se um Manual Reflexivo de práticas assistenciais humanizadoras para os profissionais, um tabuleiro para facilitar a comunicação destes profissionais com os usuários e ainda, um guia de orientações aos familiares/acompanhantes. Estima-se que este trabalho contribuirá para que os profissionais reflitam e exerçam práticas assistenciais e educacionais humanizadoras, fundamentadas nos princípios da PNH e que os familiares/acompanhantes e os próprios usuários de saúde sintam-se melhores acolhidos e atendidos frente suas necessidades a partir do conceito e do papel da Humanização na Terapia Intensiva.
metadata.dc.description.abstract-en: Starting from the assistance activities in Intensive Therapy of the master student researcher, it is noticed that many actions of health professionals operating in this sector are at odds with the preconized practices by Ministry of Health in its National Policy of Humanization (PNH). In order to improve practices, this study sought to understand the perception of these professionals about the humanization comparing them with the look that the health users, represented by family members/caregivers, think about the subject to direct an educational action in this area. The methodology adopted was characterized as a field study, exploratorydescriptive, with a qualitative approach. It was used to the collection of the data individual interview techniques and focus group. When analyzing the data, through Analysis of Content proposed by Bardin, it was observed that despite the subjects express in different ways their perceptions of humanizing the two groups compared have listed equal needs and priorities for the improvement of humanization in intensive care, to know: the reception, communication, ethical and sensitive professionalism, unfavorable aspects to the humanization, reflection and reformulation of their own concept in relation to the humanization and, finally, religiosity/spirituality. Based on the results found it was created a Reflective Manual of humanizing assistance practices for professionals, a board to facilitate communication of these professionals with the users and also a guide of orientations to families / caregivers. It is estimated that this work will contribute to the professionals reflect and exercise care and educational humanizing practices, based on the principles of PNH and that family/caregivers and patients feel better received and catered in their needs from the concept and the Humanization of goal in Intensive Care.
Description: Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ensino na Saúde, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre
metadata.dc.rights: Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional
metadata.dc.relation.requires: Adobe Reader
metadata.dc.date.date-insert: 2019-09-18
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGENSAU - Dissertações



Creative Commons
This item is licensed under a Creative Commons License