Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufcspa.edu.br/jspui/handle/123456789/529
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
[DISSERTAÇÃO] Pinheiro, Guilherme Emanuel WeissTexto integral2,44 MBAdobe PDFView/Open
Title: Educação permanente em saúde e suas implicações no processo de trabalho na atenção primária à saúde
Authors: Pinheiro, Guilherme Emanuel Weiss
metadata.dc.contributor.advisor: Bonamigo, Andrea Wander
metadata.dc.contributor.advisor-co: Azambuja, Marcelo Schenk de
Issue Date: 2017
Keywords: Educação Continuada
Saúde da Família
Atenção Primária à Saúde
[en] Education, Continuing
[en] Family Health
[en] Primary Health Care
Abstract: A Educação Permanente em Saúde é entendida como a aprendizagem no trabalho, a partir das vivências dos sujeitos e baseada no cotidiano dos serviços, tem a finalidade de transformar a realidade por meio da qualificação da prática profissional e da organização dos serviços de saúde. Esta dissertação de mestrado tem por objetivo geral o de analisar como a Educação Permanente em Saúde, com ênfase no processo de trabalho, pode afetar o trabalho em saúde no contexto da Atenção Primária à Saúde. Trata-se de uma pesquisa com abordagem qualitativa, que utilizou a técnica da pesquisa-ação para alcançar seus objetivos. Os participantes foram 33 profissionais de diferentes níveis de formação. A coleta de dados ocorreu a partir de um questionário autoaplicável sobre o processo de EPS, de dois encontros dos seminários e um encontro de avaliação, os quais seguiram as fases da pesquisa-ação. Os dados foram tratados por análise temática. O cenário deste estudo foi o município de Arvorezinha situado no Alto do Vale do Taquari no Rio Grande do Sul, que conta com três equipes da Estratégia Saúde da Família e com duas equipes de apoio matricial. Os resultados foram divididos em quatro eixos: cartografia da gestão e da EPS, as facilidades e dificuldades vivenciadas no processo de EPS, contribuições da EPS para o processo de trabalho e a pesquisaação. Como produto dessa pesquisa-ação, foi construída coletivamente e implantada a Política Municipal de Educação Permanente em Saúde e o Primeiro Número do Boletim Informativo de Educação Permanente em Saúde. Para tanto, conclui-se que a Educação Permanente é responsável por transformações na realidade local, a partir da criação de dispositivos operantes de educação no trabalho o que favoreceu a mudanças nos processos de trabalho e nas mais variadas relações no contexto da Atenção Primária à Saúde, levando a uma consequente qualificação da assistência prestada pelas equipes de saúde do município.
metadata.dc.description.abstract-en: The Permanent Education in Health is understood as learning at work, from the subjects' experiences and based on the daily services, has the purpose of transforming the reality through the qualification of the professional practice and the organization of health services. This master's thesis has the general objective of analyzing how the Educação Permanente em Saúde (EPS) [Permanent Education in Health], with emphasis in the work process, can affect the work in health in the context of the Primary Attention to Health. It’s a research with a qualitative approach that used the research-action technique to achieve its goals. The participants were 33 professionals from different levels of training. The data collection occurred from a self-administered questionnaire about the EPS process, two seminar meetings and an evaluation meeting, which followed the phases of the action research. The data were treated by thematic analysis. The setting of this study was Arvorezinha municipality, located in Alto do Vale do Taquari in Rio Grande do Sul, which has three Family Health Strategy teams and two Matrix Support teams. The results were divided into four axes: cartography of the management and EPS, the facilities and difficulties experienced in the EPS process, EPS contributions to the work process and action research. As a product of this action research, the Municipal Policy for Permanent Education in Health was collectively constructed and implemented. To this end, it’s concluded that Permanent Education is responsible for transformations in the local reality, from the creation of education operative devices in work which favored changes in the work processes and in the most varied relationships in the context of Primary Health Care, leading to a consequent qualification of the care provided by the health teams of the municipality.
Description: Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ensino na Saúde, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
metadata.dc.rights: Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional
metadata.dc.relation.requires: Adobe Reader
metadata.dc.date.date-insert: 2017-09-22
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGENSAU - Dissertações



Creative Commons
This item is licensed under a Creative Commons License