Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufcspa.edu.br/jspui/handle/123456789/173
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
[DISSERTAÇÃO] Araujo, Francisco Xavier deTexto integral1,76 MBAdobe PDFView/Open
Title: Efeitos agudos da mobilização torácica na função autonômica e no limiar de dor à pressão de indivíduos assintomáticos: ensaio clínico randomizado
Authors: Araujo, Francisco Xavier de
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Marcelo Faria
metadata.dc.contributor.advisor-co: Plentz, Rodrigo Della Méa
Issue Date: 2015
Keywords: Fisioterapia
Manipulação da Coluna
Sistema Nervoso Autônomo
Frequência Cardíaca
Limiar da Dor
[en] Physical Therapy Specialty
[en] Manipulation, Spinal
[en] Autonomic Nervous System
[en] Heart Rate
[en] Pain Threshold
Abstract: A mobilização interveterbral passiva acessória (MIVPA) é uma importante ferramenta utilizada por fisioterapeutas no manejo de diversas condições neuromusculoesqueléticas. Dentre os diversos mecanismos propostos para explicar os efeitos clínicos, tem crescido o interesse na investigação de efeitos neurofisiológicos e da influência do Sistema Nervoso Autônomo na modulação descendente da dor a partir da MIVPA. Em comparação com a região cervical e a região lombar, o número de estudos investigando os efeitos de MIVPA aplicada à coluna torácica é substancialmente menor. Estudos que observem o efeito de duas diferentes técnicas de MIVPA torácica, frequentemente utilizadas na pratica clínica, na variabilidade da frequência cardíaca (VFC) e no limiar de dor à pressão (LDP) concomitantemente não foram encontrados. O conhecimento do efeito destas abordagens nestes desfechos fornecerá relevantes informações sobre o papel neurofisiológico da MIVPA, assim como contribuirá para um processo de tomada de decisão clínica mais adequado. OBJETIVO: Descrever e comparar, o efeito de duas diferentes técnicas de MIVPA aplicadas à coluna torácica sobre a VFC e o LDP em indivíduos assintomáticos. METODOLOGIA: Um ensaio clínico randomizado, duplo cego, placebo-controlado, foi realizado. Oitenta e seis indivíduos assintomáticos foram recrutados, dos quais 60 foram incluídos e alocados randomicamente para receber uma única intervenção de MIVPA torácica póstero-anteriores com rotação em decúbito ventral (grupo PA), MIVPA torácica póstero-anterior em posição de SLUMP (grupo SLUMP), ou intervenção placebo (grupo Placebo). A VFC e o LDP em seis pontos anatômicos foram mensurados antes e imediatamente após a intervenção. ANOVA de medidas repetidas com dois fatores mistos foi realizada para verificar a interação entre tempo e grupo. ANOVA de um caminho com posthoc de Bonferroni para os dados paramétricos, e Kruskal-Walis para os dados não paramétricos foram utilizados para comparação entre grupos. Teste-t pareado e teste de Wilcoxon foram realizados para analise intra-grupos, para os dados paramétricos e não paramétricos respectivamente. RESULTADOS: Não foram observadas diferenças estatisticamente significativas entre os grupos para qualquer parâmetro da VFC e do LDP. Na análise intra grupo se identificou um aumento estatisticamente significativo do LDP na mão ipsilateral à técnica após a intervenção do grupo SLUMP. CONCLUSÃO: As duas técnicas aplicadas, MIVPA torácica póstero-anterior em decúbito ventral ou em posição de SLUMP, não promoveram efeitos estatisticamente diferentes em relação a uma intervenção placebo, para esta amostra de participantes assintomáticos.
metadata.dc.description.abstract-en: INTRODUCTION: Passive accessory interveterbral mobilization (PAIVM) is an important tool performed by physiotherapists in the management of several musculoskeletal conditions. Among the proposed mechanisms to explain the clinical effects, there is a growing interest in the investigation of neurophysiological effects and the influence of the autonomic nervous system in the descending pain modulation following PAIVM. In comparison with to cervical and lumbar spine, the number of studies investigating the effects of MIVPA applied to the thoracic spine is substantially lower. Studies that analyzed the effects of two different thoracic PAIVM techniques, frequently applied in clinical practice, in heart rate variability (HRV) and pressure pain threshold (PPT) concomitantly were not presented yet. The knowledge of the effects of these approaches in these outcomes provides relevant information about the PAIVM neurophysiological role, as well as contributes to a more appropriate clinical decision-making process. OBJECTIVES: Describe and compare the effect of two different PAIVM techniques applied to the thoracic spine in HRV and PPT in asymptomatic individuals. METHODS: A double-blind, placebo-controlled randomized clinical trial was conducted. Eighty six asymptomatic subjects were recruited, of which 60 were included and randomly assigned to receive a single postero-anterior thoracic PAIVM intervention in prone lying (PA group), in SLUMP position (SLUMP group), or placebo intervention (placebo group). HRV and PPT in six landmarks were measured before and immediately after the intervention. Repeated measures ANOVA with two mixed factors was performed to verify the interaction between time and group. Between groups comparison was realized with one-way ANOVA and Bonferroni post-hoc for parametric data, and Kruskal-Wallis test for non parametric data. Paired t-test and Wilcoxon test were performed for the intra-group analysis for parametric and non parametric data respectively. RESULTS: No statistically significant differences were observed between groups for any HRV parameters and PPT landmarks. Intra-group analyses revealed a significant increase in ipsilateral hand PPT after the intervention in SLUMP group. CONCLUSION: Both techniques applied, postero-anterior thoracic PAIVM in prone lying or in SLUMP position did not produce statistically different effects than a placebo intervention, for this sample of asymptomatic participants.
Description: Dissertação (Mestrado)-Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação, Fundação Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre.
metadata.dc.rights: Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional
metadata.dc.relation.requires: Adobe Reader
metadata.dc.date.date-insert: 2016-07-07
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGCR - Dissertações



Creative Commons
This item is licensed under a Creative Commons License